Aumento do número de feminicídios aponta para epidemia de violência contra a mulher